segunda-feira, 30 de julho de 2007

Direito de reclamar!

Enfim, uma luz no fim do túnel. A sociedade brasileira começa a achar seus caminhos e começa a - timidamente, é verdade - criticar o feudo governista e seu séquito. É o início de uma nova era (hehe, exagero, claro!) da democracia da maioria.

o PP lê Reinaldo Azevedo e Diogo Mainardi. Gente que sabe o que escreve e escreve bem. O PP não critica escritores de outros caminhos, apenas elogia os que gosta.

Leiam Reinaldo:

Estamos diante de um evento interessantíssimo. Lula foi vaiado duas vezes no Maracanã, em presença e em ausência. Vocês se lembram: havida a primeira manifestação, no dia seguinte, os jornais traziam os “politicólogos” analisando: “Isso não é pesquisa de opinião; era a classe média que estava no estádio”. Agora, seis mil pessoas protestam em São Paulo, e a pecha logo ganha o noticiário: é coisa de João Dória Jr., dos riquinhos de Campos de Jordão. Como se vê, qualquer ato de protesto contra Lula só tem validade se for protagonizado por gente que seja simpática a... Lula! Parece piada. Se os seis mil que foram à rua tivessem a carteirinha do partido, então alguém se lembraria de dizer que Lula não cumpriu suas promessas; que o seu governo tem sido de mera continuidade; que as utopias de um outro país se perderam. E por aí afora.

Leia o restante no blog do Reinaldo Azevedo (O cordão dos puxa-sacos)

Um comentário:

CINEMAN disse...

É uma velha tática das esquerdas uivantes mas não tá colando mais.