quarta-feira, 12 de março de 2008

Estranha Estella

Ela lembra-se da prisão e da tortura, mas não fala sobre os assaltos, sobre o destino da grana roubada, sobre as vítimas que teriam sido feitas com as armas roubadas de quartéis.

A Pac-Woman é bem estranha...

5 comentários:

Ricardo Rayol disse...

é bem esperta

Carlos Eduardo da Maia disse...

Popa, o Diógenes Oliveira, lembra dele? Tá na Coluna do Gaspari de hoje, olha o que ele fez: No dia 24 de janeiro passado, o governo concedeu-lhe uma aposentadoria de R$ 1.627 mensais, reconhecendo ainda uma dívida de R$ 400 mil de pagamentos atrasados.Em 1968, com mestrado cubano em explosivos, Diógenes atacou dois quartéis, participou de quatro assaltos, três atentados a bomba e uma execução. Em menos de um ano, esteve na cena de três mortes, entre as quais a do capitão americano Charles Chandler, abatido quando saía de casa

CINEMAN disse...

Sem falar do mestrado do Diógenes em caixa 2 que ele aplicou tambèm no Rio Grande do Sul.

tita coelho disse...

Nem me fala POPA...muito malandra ela!
Tem presente pra ti lá no blog!!
beijos

ZEPOVO disse...

A situação de Estella é mui delicada. Não acho que esperar declarações lógicas seja inteligente.
"Uma coisa é uma coisa; Outra coisa é outra coisa"
Percebem?