terça-feira, 18 de março de 2008

Computadoras para Cuba

O Cineman deu uma idéia interessante para ser feita no Brasil: Uma campanha geral para conseguir computadores usados para remetermos para Cuba. Como o pessoal da ilha sequestrada apenas agora está tendo a oportunidade de comprar tais máquinas - com algumas restrições - por que não fazermos uma grande campanha pública para mandarmos máquinas - para nós desatualizadas - para o pessoal da ilha. Máquinas antigas têm algumas vantagens, neste caso particular: facilitaria o ingresso no século XXI da população, digamos, normal, ao mesmo tempo em que não seriam objeto de desejo dos que estão mamando nas tetas do governo de lá. Estes, provavelmente, já usam coisa muito melhor!

Cineman tem uma idéia um pouco mais radical, de fazermos uma coleta de CP400, XT, Codimex e outros antigos computadores. O PoPa acha que não precisa ser tão radical, que os cubanos já podem entrar na era do mouse, com algum 386, 486 e os primeiros pentiums.,

O governo federal poderia se engajar nesta campanha, pois gosta muito da ilha e poderia conseguir a necessária logística para mandar o "Sucatão" lotadão de micros?

Está lançada a idéia. O que os dez leitores do PoPa acham disso?

2 comentários:

Ricardo Rayol disse...

é, vou mandar computador pra comunista... eles que se entendam com o chavez.

PoPa disse...

O problema, Rayol, é que deve ter muito pouco comunista na ilha. Talvez os burocratas do governo e alguns velhos já meio caducos... o povo - a maioria de pessoas que só viveram dentro do regime e não tiveram sequer a possibilidade de saber que existe algo melhor no mundo - estes não devem ser comunistas... pelo menos, não conscientemente.

Quanto à Chávez, ele manda gasolina barata para a ilha. Como outros presidentes, gosta de presentear os amigos com a grana do povo dele, mesmo tendo seus próprios e sérios problemas internos.