segunda-feira, 18 de maio de 2009

CPI atrapalha?

Nas suas leituras matinais, o PoPa viu uma enquete que o Estadão está fazendo, com uma pergunta simples: a CPI atrapalha os investimentos da Empresa? Surpreendeu o PoPa, o fato de que 89% dos votantes [bastante gente] votou que atrapalha. O PoPa, ao contrário, acha que não atrapalha e que até favorece, pois irá [espera-se] clarear um horizonte muito nebuloso. Somente irá [iria] atrapalhar àqueles que tem negócios escusos com a empresa ou quem se locupletou com ela.

Mas o PoPa não gosta de CPIs, como também não gosta de MPs [medidas provisórias]. CPIs não fazem o serviço que deveriam fazer e tentam transformar parlamentares em policiais e judiciário, enquanto MPs transformam o executivo em legislativo. Papéis trocados nunca dão muito certo, principalmente com este povo que está por lá.

Em uma situação normal, a CPI da BR poderia dar um resultado interessante, com uma necessária limpeza na diretoria da empresa e preparando-a para os enormes investimentos que se farão necessários em futuro próximo. Mas, em situação normal, ela não estaria sendo investigada, por desnecessário. Há que ter em mente o que Chávez fez com sua empresa de petróleo na Venezuela - praticamente quebrada, devido ao uso dos recursos em outras áreas.

Como todo negócio, também a BR deveria ter controle privado, para impedir o mau uso de seus recursos. O governo deveria ficar como acionista minoritário, controlando-a, sem ter tantos companheiros - que, muitas vezes, nada entendem do riscado - "apoiados" pela empresa. O governo, como o PoPa já disse várias vezes, é um péssimo empresário.

2 comentários:

Rejane (Mel) disse...

Eu vi essa enquete ontem, acho que pela manhã, e até votei.
Estava em quase 70% de "não atrapalha".
Depois que a "tropa de choque" descobriu a enquete a coisa virou então...
Por isso não dá pra confiar em enquetes on line.

CINEMAN disse...

Eu até gostava de CPI, de qualquer lado, até ouvir o perguntório e as linhas de raciocinio da deputada Stela e do deputado Bom Gás na CPI do DETRAN. Nenhum dos dois tem alguma consideração com a inteligência das pessoas.