domingo, 27 de janeiro de 2008

Em busca da guerra

Sexta feira, Chávez, talvez por falta de assuntos que poderiam mantê-lo na mídia sul-americana, resolveu baixar o pau em Uribe. Mas não com uma acusação qualquer! Ele afirma que Uribe está mancomunado com os gringos para, simplesmente, invadir a Venezuela: "Acuso o Governo da Colômbia de estar forjando uma conspiração, uma provocação bélica contra a Venezuela, por ordem dos EUA, para nos obrigar a dar uma resposta que possa originar uma guerra"... "É preciso dizer a Uribe que amarre os seus loucos, porque, sendo um peão dos Estados Unidos, ele será o responsável pelo que acontecer, porque se prestou a isso"..."Temos informações da inteligência (sic), da nossa e da de outros países da América Latina, sobre o plano. A visita de Rice não é casual, nem a do chamado 'czar da droga' (John Walters, o chefe do departamento antidrogas dos EUA) nem a do comandante militar americano (chefe do Estado-Maior Conjunto dos EUA, o almirante Michael Mullen). Três altíssimos funcionários em uma semana".

O PoPa não tem a menor dúvida que o cara é totalmente maluco. Na falta do assunto das farc e seus sequestrados, busca alguma outra coisa que tenha alguma repercussão internacional. Na verdade, somente repercussão nos vizinhos, já que ele é solenemente ignorado em Washington. Que os gringos já estão classificando a figura como facilitador do narcotráfico, não há dúvidas, mas daí a achar que vão invadir, é demais até mesmo para o megalomaníaco mor.

5 comentários:

Tosco disse...

Poucos dias atrás, ele falava abertamente sobre a importancia do pais vizinho na "Gran Colombia", falava em fazer "operacoes clandestinas" em territorio colombiano. Isso sem falar na Guiana.

Agora, ele antecipadamente responsabiliza a Colombia por uma eventual guerra que venha a acontecer. Diz que tem informações sobre alguma suposta conspiracao "estadunidense" e coisas do tipo (rá, esse tipo de coisa alimenta o bom militante esquerdista).

Algo me diz que o gordo cucaracha esta realmente tramando algo serio. Nao bastasse as miserias desse continente, sera que teremos que aguentar uma guerra em nossas fronteiras?

tita coelho disse...

Não é a toa...o cara masca coca! rsrs...ele tem uma mania de perseguição fantástica, e nenhum carro bomba tentou explodir ele ainda!
beijos

tosco disse...

Esse chupador de coca é fonte inesgotável de absurdos e cretinices. A mais recente é sua idéia de tentar reproduzir neste torrão do planeta uma caricatura da antiga URSS: a "ALBA" - alternativa bolivariana para as americas. Com direito a forcas armadas e tudo mais. Bolívia, Cuba, Dominica, Nicarágua e Venezuela - OTAN, TREMEI!!

http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u367410.shtml

irwim disse...

O pior é que o mundo acaba achando que a AL é assim, julga com certa razão o povo por seus governantes. Que vergonha...

Carlos Eduardo da Maia disse...

A questão é que Uribe está ganhando a guerra contra as FARC e Chávez resolveu dar uma forcinha para seus amigos. Ele chama o Manuel Marulanda, lider das FARC, de companheiro e conta com a simpatia das famílias dos reféns que sabem que Chávez tem liderança entre as FARC. Se eu fosse parente de sequestrado das FARC também pediria ajuda para Chávez. Mas que Chávez é paranóico e louco, isso é inegável. E tem gente que gosta e admira.