segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Um pouco de história...

O senador José Nery, foi "eleito" como suplente da atual governadora do Pará, pelo PT. Até então, ele era vereador do município de Abaetetuba. Depois, saltou para o senado e para o PSol. Bela trajetória política, com excelentes serviços prestados à sociedade brasileira, como homenagens a deputados, arcebispos, cnbb, ches, ongs, etc.

Em outra ação, o senador pede para incluir no regimento interno do senado, mais um item na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa:"VIII - recebimento, avaliação e investigação de denúncias relativas à ameaça ou violação de direitos humanos". Claro que a comissão já poderia fazer isto, mas o senador alega, nas suas justificativas, que não está claro. E conclui: Após reformado o nosso Regimento Interno, será necessário criar a estrutura funcional mínima para que tais demandas sejam devidamente respondidas. (grifo do PoPa)

Citando WS: Ser ou não ser... Eis a questão. Que é mais nobre para a alma: suportar os dardos e arremessos do fado sempre adverso, ou armar-se contra um mar de desventuras e dar-lhes fim tentando resistir-lhes? Morrer... dormir... mais nada...

Um comentário:

tita coelho disse...

De vereaodr à Senador.... pulo rápido!! Eu acho isso fantástico aqui no Brasil!!