sexta-feira, 11 de abril de 2008

Perigo à produção gaúcha

É raro, mas o PoPa também anda pelo Noroeste do Estado. Sobrevoando uma das principais cidades da região, constatou - visualmente - que a soja está em praticamente toda a região. Apenas fica de fora a área urbana, as estradas e [alguns] cemitérios. O resto é um mar de soja. E é bom que seja assim, pois este Estado precisa produzir riquezas para sustentar a sua gente. Mas esta produção está em perigo!

Na ZH de hoje, o PoPa leu que os ambientalistas irão reagir ao zoneamento florestal aprovado. E por que isto é uma ameaça à região Noroeste? Por que uma das bandeiras deste grupelho é definir que apenas 30% das regiões possam ser usadas para plantios com espécies exóticas. E querem limitar em 50% nas propriedades. Ou estes imbecis acham que apenas o eucalipto é exótico? Ou, quem sabe, querem que esta regra valha apenas para a Metade Sul? Ou ainda, acham que é possível alimentar o mundo com lavourinhas familiares? Santa ignorância!

O perigo maior é exatamente na área de soja, pois os eucaliptos da Metade Sul raramente passarão de 50% de cada propriedade, já que esta é a proposta das empresas. Estranho, não?

6 comentários:

Anônimo disse...

Desde o primeiro momento em que coloquei os pés no noroeste, tudo o que eu escuto ou é sobre soja ou é relacionado com soja. As lavouras chegam até a beirada do calçamento das pequenas cidades da região, uma visão um tanto insólita. Mas muito bonita. Quando venta, a cidade parece uma ilha envolvida em mar verde e revolto. Com a colheita, a paisagem se tornou amarela. E logo vem o trigo...

Nunca, aqui, irão permitir algum tipo de restrição a produção com base em ecobobagens. A gente desta terra parece (não só parece, com certeza é!) um pouco diferente do povo da minha região. Nunca vi gente tão laboriosa e organizada. Mesmo os mais pêlo-duro da cidade cultivam um belo jardim e mantém a pintura da casa em estado no mínimo razoável, nos fundos, via de regra, há uma horta (exceto as áreas indígenas, que são como pequenas favelas na zona rural. Provavelmente os únicos lugares onde não se cultiva absolutamente NADA e onde acontecem boa parte das ocorrências policiais. E mesmo quando as ocorrências são na cidade, via de regra está envolvido algum indígena marginal. Eles não trabalham e não cultivam nada, vivem de uma verba federal e passam o dia bebendo canha, jogando bola, dormindo ou simplesmente jogando conversa fora enquanto tomam mate. A população carceraria do presídio de Três Passos é majoritariamente indígena, sendo que esta é a menor das "etnias" ).

CINEMAN disse...

Os nossos ambientalistas andam meio perdidos. Foi triste ver o debate sobre o plantio de eucaliptos no Conversas Cruzadas da TVCOM e pior ainda ler a ZH de sábado apresentando as idéias dos principais líderes. Que saudade do velho Lutz. Eles dizem que não há mais necessidade de líderes do tipo Lutz, que o trabalho hoje é burocrático, na frente do computador. Eles não devem aguentar o Al Gore. Um deles diz que hoje o que podem fazer é mandar e-mails para o exterior dizendo o que o governo e os capitalistas estão fazendo aqui. É isto Pobre Pampa, estamos reduzidos a fofoqueiros. Tem um quadro na ZH que mostra as novas lutas que por coincidência são as mesmas que o MST, orquestrado lá de fora pela Via Campesina, defende. Estranho, não é? Eucaliptos e transgênicos. Será que não existem outras lutas mais importantes do ponto de vista ecológico? Ou o movimento ecológico tem uma agenda política oculta?

Pobre Pampa disse...

Caros Cineman e Anônimo, estamos - aqui na Metade Sul - enfrentando grandes demônios. Uma minoria muito barulhenta está estancando o desenvolvimento de uma enorme região. E quem fica quieto por aqui? Exatamente os tais latifundiários, produtores extensivos e outros "capitalistas", pois não gostaram da valorização que as terras tiveram. Em algumas regiões, não está mais disponível terra para arrendamento quase de graça, para produção de carne extensivamente. E quem aguarda ansiosamente estes investimentos? Os trabalhadores desta terra. Os que buscam emprego e, por alguma razão, não querem ou não podem sair de sua terra.

Enquanto isso, na sala de justiça...

Pobre Pampa disse...

E, claro, os gringos do Noroeste não deixariam sequer eles pensarem sobre estas bobagens...

CINEMAN disse...

Quem sabe não está na hora de organizar algumas ONGs ambientalistas na região. Quem sabe uma que se preocupe com o capim Anoni. Com a ampliação da pobreza da região pela implantação de assentamentos anti-ecológicos. Com o programa do bio-diesel que quer trazer a mamona e outras coisas malucas para a região. Ou com a ampliação das usinas de carvão, que ajudam a resolver o apagão que a Dilma jurou que não ia haver as custas dos pulmões da população de Bagé.

Anônimo disse...

Paim,melhor senador do RS?Beberam,é isso?
Não há nenhum senador gaúcho que preste,são todos uns cagões,vendidos para o MOVIMENTO REVOLUCIONÁRIO,que está fazendo a Revolução Passiva!Cadê a Direita DE VERDADE deste país,porra?Com excessão do DEM(que nome,porra!!!Lembra o nome dos comunistas dos USA,o tal Partido "Democrata"-se nem o nome da legenda esta putada sabe escolher direito,que Direita DE vERDADE haverá de surgir no Brasil???)-,qual é o outro partido brasileiro,mesmo que seja um arremedo de Direita,para se apresentar como alternativa para um eleitorado,em sua grande maioria,conservador,de Direita,religioso,legalista,etc.???
É como diz o grande Olavo de Carvalho,esquerdista bom é que nem quadrado redondo,não existe!Acordem,seus patetas!Vão estudar mais acerca do que é GRAMSCISMO,suas toupeiras!O senador Paim está ajudando o seu partido(o PT),a fazer a Revolução Passiva,para destruir a democracia,seus burros!Por que vocês acham que estão sendo tão atacadas TODAS as Instituições democráticas e o Estado de Direito?Tudo isto faz parte das estratégias de tomada de poder criadas pelo porra louca do falecido(felizmente)Antônio Gramsci!Por que existe,via mídia,via literatura,via cultura,uma ATAQUE SISTEMÁTICO,ININTERRUPTO aos valores morais,religiosos,democráticos,etc.?Isto foi concebido há muito tempo pelos marxistas culturais!Estes perceberam que,para o Mundo Ocidental abraçar o Comunismo/marxismo/socialismo/nazismo/fascismo/ateísmo militante,etc.,seria necessário destruir as bases na qual está assentada a Cultura Ocidental,a moral JUDAICO-CRISTÃ!!!Pois a Cultura Ocidental está baseada num tripé:a Filosofia grega,o Direito Romano e a moral JUDAICO-CRISTÃ!!!Entenderam ou preciso desenhar,pô????!!!!!