quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Futuro governo Tarso quer barrar projetos que não obrigam o governo a nada...

O PoPa tem lido que o futuro governo quer barrar alguns projetos que foram encaminhados à Assembléia pelo governo atual - que é governo até o final do ano. Chamou a atenção do PoPa, o fato de quererem derrubar um projeto que altera algumas condições do Fundopem - programa que fornece incentivos a investimentos privados. Acusam o governo atual de estar lançando projetos que implicam em renúncia fiscal. O que o PoPa acha engraçado, é que nenhum destes projetos OBRIGA o governo a dar tais incentivos. Apenas se o executivo assim o desejar, é que os incentivos serão dados. Então, por que a reação contra os projetos?

3 comentários:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Porque o PT no RS tem ainda preconceito contra grandes empresas e eles acham um absurdo conceder incentivos fiscais a elas. E por isso o RS vai continuar a patinar. A não ser que Tarso -- e espero que isso ocorra --mude essa lógica.

PoPa disse...

Não sei se Tarso tem idéia diferente. Se tivesse, por que estaria querendo barrar um projeto que em nada afeta o Estado? Este projeto apenas autoriza o executivo a dar incentivos, não obriga. Logo, se estão contra ele, é porque o ranço continua.

CINEMAN disse...

Acho que a idéia do Tarso é outra. Ele não quer compromisso. Se tiver o Fundopem ele vai ter que se desculpar com o grande empresário quando o projeto não for aprovado ( o que não é bom para ele) e com os cumpanhero, quando for (o que também não é bom para ele)